Um plano para promover o desenvolvimento econômico da cidade

 

imagem_capa_economico

 

Redes de Centralidades Polares e Lineares
Fortalecimento da rede de centralidades polares e lineares existentes, porções do território que concentram predominantemente atividades terciárias (comercio e serviços), tais como: centro histórico, centros de bairro, polos de comércio, eixos de transporte. Além da rede centralidades existente pretende-se estimular a criação de novas centralidades.

Perímetros de Incentivo ao Desenvolvimento Econômico
Geração de emprego e renda em áreas populosas da cidade, mas que contam com importantes eixos de acesso viário e de transporte público coletivo, por meio de incentivos para usos não residenciais, urbanísticos: pode-se construir quatro vezes a área do terreno); e fiscais: isenção de cobrança de outorga onerosa. Nos perímetros Jacu-Pêssego e Cupecê estas regras serão autoaplicáveis, nos demais perímetros será necessária elaboração de Lei específica.

Polos Estratégicos de Desenvolvimento Econômico e de Economia Criativa
Criação de Polos Estratégicos de Desenvolvimento Econômico em regiões com baixo nível de emprego e grande concentração populacional que apresentam potencial para a implantação de atividades econômicas. Distribuídos nas principais zonas da cidade, cada polo terá planejamento próprio, de acordo com a vocação econômica presente: Polo Leste, Polo Sul, Polo Noroeste, Polo Norte, Polo Fernão Dias e o Polo de Desenvolvimento Econômico Rural Sustentável, na zona sul. Como o novo PDE são definidos também os Polos de Economia Criativa, o primeiro deles é o Distrito Criativo Sé/República.

Parques Tecnológicos
Definição de Parques Tecnológicos com objetivo de ampliar as oportunidades de desenvolvimento urbano por meio de incentivo aos usos voltados à produção de conhecimento e da instalação de complexos empresariais de desenvolvimento econômico e tecnológico. Foram estabelecidos o Parque Tecnológico Jaguaré e Parque Tecnológico Leste.

Zonas Industriais e de Desenvolvimento Econômico
Estabelecimento de áreas para proteção das áreas industriais em funcionamento, Zona de Proteção Industrial (ZPI), e para estímulo à modernização e expansão de atividades compatíveis com as novas condições territoriais e produtivas do município, Zona de Desenvolvimento Econômico (ZDE).