1. Gestão Urbana
  2. »
  3. Notícias
  4. »
  5. Plano Urbanístico para o...
 

24/04/2019

Plano Urbanístico para o Arco Pinheiros é apresentado em consulta pública

Melhorias em mobilidade urbana, novos equipamentos de saúde e assistência social, destinação de recursos para habitação de interesse social e ruas arborizadas estão propostos no Projeto de Intervenção Urbana Arco Pinheiros. Objetivo é conectar e qualificar os bairros, atrair mais de 81 mil novos moradores e criar um novo polo de inovação



A Prefeitura de São Paulo lança nesta terça-feira (23) a segunda consulta pública online do Projeto de Intervenção Urbana (PIU) Arco Pinheiros que poderá atrair cerca de 81 mil novos moradores para a área, que conta hoje com aproximadamente 54 mil habitantes. As intervenções propostas foram agrupadas em cinco diferentes eixos temáticos, que funcionam de forma integrada: rede de mobilidade, rede de espaços públicos, rede hídrica, habitação e equipamentos públicos, e estão disponíveis de forma detalhada no site Gestão Urbana.

Com o PIU Arco Pinheiros – que envolve as regiões da Vila Leopoldina, Jaguaré, Butantã e Rio Pequeno, a Prefeitura de São Paulo pretende criar um polo de inovação nos bairros Jaguaré e Vila Leopoldina, na zona oeste. A ideia é potencializar a vocação científica e tecnológica da região, conectando a Cidade Universitária, o Parque Tecnológico do Jaguaré, a Zona Predominantemente Industrial (ZPI) do Jaguaré e a área da Ceagesp, cuja transformação para recepcionar um distrito de inovação deverá envolver a negociação entre o Município, o Estado e a União. A presença de relevantes instituições de ensino e indústrias de alta tecnologia, bem como com a disponibilidade de áreas passíveis de transformação urbana, são atributos que tornam esse local estratégico para o desenvolvimento econômico da cidade, com alto potencial de abrigar atividades de inovação.

Para melhorar a mobilidade da região, está sendo proposta a construção de duas ciclopassarelas, para pedestres e ciclistas, interligando as estações Villa-Lobos/Jaguaré e Ceasa da CPTM com a USP e a área industrial do Jaguaré, respectivamente. Também serão implantadas novas ciclovias ou ciclofaixas e serão abertas novas vias para facilitar a mobilidade no perímetro, aumentando a conectividade interna e possibilitando a formação de novas frentes urbanas. O projeto apresentado também prevê a construção de duas novas pontes sobre o Rio Pinheiros, que serão responsáveis pela conexão dos bairros da Vila Leopoldina e Jaguaré, criando rotas alternativas para a zona oeste.

Outro eixo prioritário é a ampliação da rede de espaços públicos. Nesse sentido, o projeto prevê a requalificação de seis praças já existentes no interior dos bairros e outras cinco novas praças, aumentando a oferta de áreas de lazer, encontro e contemplação dos moradores, além de colaborar para a amenização das ilhas de calor e para o aumento da umidade relativa do ar. Também estão previstos seis novos equipamentos, sendo duas UBS (Unidade Básica de Saúde) e equipamentos de Assistência Social.

Outras melhorias ambientais também são propostas, como é o caso dos caminhos verdes, responsáveis pela arborização das vias. O objetivo é criar um sistema ambiental em rede que aumente a conectividade entre as áreas verdes (como os parques Orlando Villas-Bôas e Villa-Lobos), equipamentos e estações de trem, proporcionando percursos sombreados, confortáveis e seguros aos usuários, além de promover caminhos ecológicos para a fauna.

No perímetro do projeto, também há cerca de 9 mil domicílios em assentamentos precários. Parte do programa de intervenções consiste na urbanização e construção de novas moradias, garantindo que as famílias em situação de vulnerabilidade tenham acesso a políticas públicas integradas para atendimento habitacional.

Outro destaque do projeto são os Territórios de Integração, formados pelas quadras lindeiras ao Rio Pinheiros e com grande potencial de transformação, cujos lotes receberam diretrizes específicas de abertura de vias e de localização de suas áreas verdes com o objetivo de garantir unidade e integração ao território. Busca-se, assim, superar o isolamento entre as margens do rio, abrindo caminho para uma maior diversidade de usos, para a promoção de espaços de encontro e para melhoria na microacessibilidade ao transporte público.

Clique aqui para acessar a consulta.

 

Processo Participativo do PIU Arco Pinheiros

O Processo de elaboração do PIU Arco Pinheiros segue os passos dispostos no Decreto n° 56.901/2016 e, desta forma, as contribuições a serem colhidas nesta consulta irão colaborar para o seu aperfeiçoamento. A proposta ainda será debatida em diálogos sociais com a sociedade civil, associações, ONG´s, coletivos e em audiência pública, resultando em um projeto de lei que deverá ser encaminhado à Câmara Municipal para uma nova rodada de discussão.

A segunda consulta pública, iniciada nesta terça-feira (23), poderá receber contribuições até o dia 23 de maio. Após esse período, as sugestões serão avaliadas e serão incorporadas à versão final do projeto quando oportunas.

Entre os dias 14 de setembro e 1º de novembro de 2018, foi publicado no portal Gestão a 1ª consulta pública do PIU Arco Pinheiros, que apresentou o diagnóstico socioterritorial e o programa de interesse público do projeto. Ao todo, foram recebidos 115 comentários da população. Essas sugestões foram sistematizadas e respondidas pelo Município em documento publicado no site.

Dentro do território do PIU Arco Pinheiros há, ainda, o PIU Vila Leopoldina-Villa Lobos, que deverá ser enviado para a Câmara em até dois meses.






Comentários

  1. Paulo Cesar Maluf em disse:

    Temos que dar prioridade na urbanização das favelas no Jaguaré, Saneamento Básico, construção da ponte ligando a Av Alexandre Mackenzie a Mofarrej, criação de um parque no Jaguaré, a melhoria da mobilidade no Parque Continental e Jaguaré, com impacto do crescimento de Osasco, a construção da unidade básica saúde.

    • Arilane Ferreira de Andrade em disse:

      Sou moradora e representante do Movimento Diogo Pires no bairro Jaguaré, grupo de famílias que estão no auxílio aluguel e lutam a mais de 10 anos pela moradia digna.
      Segue abaixo as minhas sugestões para incluir no Projeto Piu Arco de Pinheiros:
      *Investimento no plano urbanístico para as comunidades do Jaguaré
      *Necessitamos de mais unidades Básicas de Saúde e ter médicos com mais especialidades
      * Construção de Hospital na região
      * Hospital veterinário
      *Investir em mais pontes de acesso para diminuir o trânsito
      *Investimento na segurança
      *Construção de mais creches e CCA
      *Espaço cultural que atenta os jovens, crianças e idosos.
      * Unidades com cursos profissionalizantes

    • Arilane Ferreira de Andrade em disse:

      Sou moradora Diogo Pires no bairro Jaguaré, grupo de famílias que estão no auxílio aluguel e lutam a mais de 10 anos pela moradia digna.
      Segue abaixo as minhas sugestões para incluir no Projeto Piu Arco de Pinheiros:
      *Investimento no plano urbanístico para as comunidades do Jaguaré
      *Necessitamos de mais unidades Básicas de Saúde e ter médicos com mais especialidades
      * Construção de Hospital na região
      * Hospital veterinário
      *Investir em mais pontes de acesso para diminuir o trânsito
      *Investimento na segurança
      *Construção de mais creches e CCA
      *Espaço cultural que atenta os jovens, crianças e idosos.
      * Unidades com cursos profissionalizantes

  2. A SAAP – Associação dos Amigos de Alto dos Pinheiros, representa um bairro-jardim residencial de baixa densidade, que é vizinho da área delimitada para o Pio Arco Pinheiros promover a transformação e qualificação do território.
    Apontamos que é essencial a implantação de um plano de mobilidade para absorver a população adicional de 80.000 pessoas prevista em 30 anos nesta área.
    O Corredor Metropolitano previsto na Gastão Vidigal Seria será estanque uma vez que:
    1- Sua continuidade é inviável pois terá alto impacto negativo no bairro Alto dos Pinheiros
    2- A Cerro Corá, hoje já é muito sobrecarregada.
    Será necessário priorizar a linha de Metrô que serve esse setor para viabilizar as transformações propostas.

  3. Diana Dias em disse:

    Sou moradora e representante do Movimento Diogo Pires no bairro Jaguaré, grupo de famílias que estão no auxílio aluguel e lutam a mais de 10 anos pela moradia digna.
    Segue abaixo as minhas sugestões para incluir no Projeto Piu Arco de Pinheiros:
    *Investimento no plano urbanístico para as comunidades do Jaguaré
    *Necessitamos de mais unidades Básicas de Saúde e ter médicos com mais especialidades
    * Construção de Hospital na região
    * Hospital veterinário
    *Investir em mais pontes de acesso para diminuir o trânsito
    *Investimento na segurança
    *Construção de mais creches e CCA
    *Espaço cultural que atenta os jovens, crianças e idosos.
    * Unidades com cursos profissionalizantes

  4. Diana Dias em disse:

    Retificando algumas das minhas sugestões enviada anteriormente.

    * Prioridade no investimento do plano de urbanização para as comunidades do Jaguaré
    *Espaço cultural que atenda os jovens, crianças e idosos.

  5. Fiama Silva Vieira em disse:

    Dêem prioridade ao investimento do plano de urbanização das comunidades do Jaguaré.
    Faço parte do Movimento Diogo Pires do Jaguaré e estamos à 10 anos no aguardo da nossa moradia. O que falta incluir no projeto é a construção de mais prédios para que possamos sair do aluguel. Há terrenos para construir, até mesmo na ponte dos remédios, onde já tem uma torre pronta e poderiam logo iniciar a segunda fase.

  6. Priorizar a construção de moradias para retiradas das favelas do lado do rio onde situam-se as empresas como a Roche, Bunge, etc.; Canalização dos córregos utilizados por estas comunidades, desobristrução das vias públicas ocupadas irregularmente, tal como a Av. Dracena e Rua Diogo Pires. Estas vias são o acesso de carretas e outros transportes para as empresas do bairro;
    Redimensionar os serviços de coleta de lixo e entulho destas mesmas avenidas, o que desistimula o crescimento do comércio e moradia.

  7. José Carlos da Silva em disse:

    Sou morador e representante do Movimento Diogo Pires do Bairro Jaguaré,grupo de famílias que estão a 10 anos no auxílio aluguel e lutam pela moradia digna.
    Segue abaixo as minhas sugestões:
    1Priorizar a construção de moradias para as famílias a 10 anos no auxílio aluguel, aguardando retorno da Subprefeitura da Lapa, Sehab e Prefeitura de São Paulo.
    2 Construção de Unidades básicas de Saúde
    3 Construção de Hospital na região
    4 Construção de Hospital veterinário
    5 Construir mais pontes de acesso para diminuir o trânsito.

    • Gizelia Mendes dos Santos Ventura em disse:

      Sou moradora do movimento Diogo Pires e a minha sugestão é:Primeiramente as nossas moradias q já faz quase 10 anos q agente está esperando essas tão sonhadas moradias mais empreendimento como creches hospital , médicos ponte pra diminuir o trânsito etc.

  8. Adriana Souza em disse:

    Sou moradora do bairro do Jaguaré, faço parte do movimento Diogo Pires, estamos há mais de 10 anos esperando nossas moradias, estou no bolsa aluguel, Temos que priorizar a urbanização das favelas, saneamento básico, construções de pontes de acesso para desafogar o trânsito, criar espaços que ofereçam cursos de qualificação profissional de qualidade, para os jovens terem mais oportunidade de empregos, AME especialidades, com profissionais especializados ( ortopedista, neurologista, mastologista, dermatologista, etc…) Construção de parques e mais áreas verdes.

  9. João Batista da Silva em disse:

    Vcs precisão da prioridade a quem esta a mais de 10 anos no auxílio Aluguel, eu moro no jaguaré e estou no auxílio aluguel que pode se cortado a qlq momento nessa mudança de presidente!

  10. Maria de Lourdes da Paixão Augusto em disse:

    Quando será criado o posto de saúde no Jaguaré? Essa segunda unidade já foi aprovada desde 2016. A demanda de moradores que necessitam de atendimento à saúde é alta e não comporta mais atendimento na unidade já existente. Temos muitos idosos no bairro, que criaram o bairro, pagaram e pagam muitos impostos e não são atendidos.

  11. Maria de Lourdes da Paixão Augusto em disse:

    Precisamos ter mais pontes ligando a região do Jaguaré com a Lapa/leopoldina, para que seja mais ágil o tráfego da região, que está saturado em todos os horários. O trânsito é insustentável na avenida e ponte do jaguaré.

  12. Maria de Lourdes da Paixão Augusto em disse:

    Zeladoria da sub prefeitura da Lapa é ineficiente e totalmente ausente no bairro do Jaguaré. Precisamos de limpeza das vias, manutenção das praças, lixeiras na avenida presidente altino na região central, com várias agências bancárias e aglomeração de pessoas. Solicitamos a instalação de um Ecoponto no bairro, pois com as favelas o descarte de móveis e entulho é constante.

  13. Matheus Henrique Dias da Silva em disse:

    Sou morador e faço parte do Movimento Diogo Pires do bairro Jaguaré,
    estamos à 10 anos no auxílio aluguel aguardando a nossa moradia. O que falta é incluir no projeto é a construção de mais prédios para que possamos sair do aluguel. Há terrenos para construir, até mesmo na ponte dos remédios, onde já tem uma torre pronta e poderiam logo iniciar a segunda fase.
    Investir na construção de unidade básica de saúde
    Construir mais pontes de acesso para diminuir o trânsito.

  14. Francisco Ferreira Ventura em disse:

    Eu sou morador do empreentimento do movimento Diogo Pires a minha sugestao é : nossas moradias que faz 10 anos que estamos no aluguel , esperando nossas moradias.Queremos mais creches , posto de saude , mais segurança , mais medicos e etc…

  15. Maria Dos Santos em disse:

    Sou moradora e faço parte do movimento Diogo Pires no Bairro do Jaguaré todos nós estamos na espera por nossa moradia há mais de dez anos,e gostaria também que o Jaguaré melhorassem em algumas coisas como área de lazer, hospital, médico especialista em todas as áreas , teatro,etc.

  16. Maria Angélica Gomes em disse:

    Acho super importante que esse projeto vá adiante para melhorar esta região em especial os bairros Jaguare, Leopoldina, Rio Pequeno. Com certeza ira aliviar o trânsito e sustentará o projeto urbanístico da V Leopoldina que irá trazer muitos moradores para a região.Precisamos de saneamento básico, unidades de saúde não apenas dentro das comunidades , espalhadas pelo bairro para que todos tenham direito e consigam usar.

  17. Maria das Graças Almeida da Silva em disse:

    Sou moradora e participo do movimento
    Diogo Pires do bairro Jaguare,grupo de famílias que estão a 10 anos no auxílio aluguel,aguardando moradia digna.
    Priorizar a construção dos prédios para as famílias que estão no auxílio aluguel do Jaguare.
    Investir mais unidades básicas com médicos e especialidades.
    Construir pontes de acesso para diminuir o transito no bairro.

  18. Felipe Almeida da Silva em disse:

    sou moradora e faço parte do Movimento Diogo Pires do bairro Jaguare, grupo de famílias que estão a 10 anos no auxílio aluguel aguardando moradia digna.
    Priorizar construção de prédios para as famílias que estão no auxílio aluguel no Distrito do jaguare

  19. Arilane Ferreira de Andrade em disse:

    Sou moradora da Diogo Pires no bairro Jaguaré, nos da Diogo Pires já estamos esperando moradia a 10 anos peço para que todos os responsáveis reveja as listas e respeitem a fila pois nós da Diogo Pires já aguardamos muito tempo sofrido esperando nossa tão sonhada moradia….

  20. cremilda em disse:

    eu sou moradora da Diogo Pires faço parte do movimento Diogo Pires eu não acho certo eu tava no aluguel a 10 anos e enquanto outras pessoas nem foram para o aluguel e pegar o apartamento primeiro do que a gente porque não é fácil você ficar 10 anos no aluguel você não pode ter seus móveis não pode ter nada seu filho cresce e você não tem nada não é certo eu acho que o certo seria quem tá no aluguel e o apartamento e os que não tá no aluguel e para aluguel porque não é não é fácil é difícil essa vida de tá no aluguel enquanto você tinha um lugar que você tava morando

  21. Ana Lucia Ferreira em disse:

    Meu nome é:Ana Lucia Ferreira. Fui moradora da Diogo Pires. Faço parte do MOVIMENTO DIOGO PIRES. Estamos há a quase 10 anos no ” auxílio aluguel”, na expectativa das nossas moradias, não é justo que esperemos por mais tempo.
    *Moradia digna para todos.
    *Mais AMAS, com mais especialistas.
    *Espaço cultural para todos.
    *Mais linhas de ônibus, para melhor locomoção.
    Etc.
    Nosso JAGUARÉ, e seus habitantes necessitam de mais atenção.

  22. Maria de Lourdes da Paixão Augusto em disse:

    O Jaguaré está rodeado de favelas e a criminalidade só cresce no bairro. É urgente que sejam criadas moradias sociais para abrigar essas pessoas, propromoção de projetos de educação, qualificação profissional/técnica e cultura, que vise o controle da criminalidade. Jovens ocupados não ficam vulneráveis ao crime.

  23. Jailson José da silva em disse:

    Sou morador da Diogo pires estou a 10 anos esperando minha moradia gostaria de da minha opinião sobre o arco de pinheiros estamos na luta por nosso canto a minha moradia e meu.principal alerta mais gostaria muito uma clínica veterinária no nosso bairros tbm mais médicos mais creches uma delegacia ok me chamo Jailson jose da Silva e quero minha moradia.

  24. Leandro Cunha Santos em disse:

    Leandro morador da Diogo Pires 16/05/19 esperando a tão sonhada Moradias que já estão pendentes a 10 anos .A prioridade mais um posto de saúde no bairro do Jaguaré porque o que tem já não suporta a grande demanda de pessoas do bairro , sempre está lotado , mais investimento na área de esportes e na educação exemplo escolas que estão precárias .
    E combater a grande invasão de pessoas que invade o bairro e constrói casas em todo lugar lugares irregulares desvalorizando o bairro a cada dia que passa.
    Prioridade para as moradias que estão abandonadas e invadida na rua Diogo Pires o processo de remoção dos invasores que estão atrapalhando as pessoas que estão a 10 anos no aluguel esperando sua moradias.
    Umas das prioridades que a prefeitura respeite mais as pessoas que estão no aluguel por anos que respeite a fila , porque como morador da Diogo Pires não aguento mais ver a moradia mais distante devido a outras comunidades sempre passar na frente como prioridade.

    Saúde
    Educação
    Planejamento urbano moradia
    Admistrar melhor o bairro não deixar abandonado.

  25. Maria José de Gouveia em disse:

    Dêem prioridade de inventimentos para as comunidades do Jaguare, estamos a mais de 9 anos no auxilio aluguel. Faço parte do Movimento Diogo Pires e precisamos urgentemente que algo seja feito a respeito das famílias que estão nessa espera.

  26. Maria José de Gouveia em disse:

    Priorizem os inventimentos para as comunidades do Jaguare, estamos a mais de 9 anos no auxilio aluguel. Faço parte do Movimento Diogo Pires e precisamos urgentemente que algo seja feito a respeito das famílias que estão nessa espera.

  27. Geni Alves de Mattos em disse:

    Fui moradora da comonidade dá Diogo Pires estou esperando moradia a dez anos até agora nada muitas gentes até perdeu a esperança, de ter sua moradia, pôr favor a olha mais para moradia tamos cansados de esperar,

  28. José romilson da silva em disse:

    Olá sou morador da diogo pires a 10 anos estamos esperando nossas moradias pedimos aos gestores da prefeitura uma sugestão p nos e tb melhoria p tds nosso barrio como uns mas ama escola integral p as crianças área de lazer p nossos jovens lugares q possam faser cursos profissionalizantes p qd conversarem a trabalhar ter uma produção e mas segurança p tds da região essa é minha solicitação p os gorvenantes obrigado

  29. Aparecida de Fátima de mattos em disse:

    16/05/2019. Eu, Aparecida de Fátima de mattos, moradora a mais de 20 anos da rua Diogo Pires Jaguaré, estamos à espera doque nos foi tirado, queremos a nassa moradia, não queremos luxo e sim nosso direito como cidadão, se existe uma fila ela tem que ser respeitada. A muitos jovens e crianças que precisam de um lugar descente onde há educação hospitais lazeres etc, e esse plano urbanístico do arco de pinheiros vai ajudar muitas famílias a realizar o sonho de ter a sua casa própria, estamos no aluguel e sem uma resposta concerta de quando é pra onde iremos morar.

  30. Reini Mendes dos Reis em disse:

    olá,eu sou moradora da Diogo Pires jaguare onde estou junto com outras famílias aguardando a moradia a 10anos.É muito importante q seja efetuado mais construções de prédios para q também possamos ser atendidos,mas também hospitais,creches,Pontes para melhor fluxo de trânsito e também não menos importante parques e seria também de grande importância uma ONG que atendesse a população carente na região. Fica minha opinião e também minha decepção por está longa espera juntamente com muitas famílias por nossa moradia.obrigada

  31. Antonia cleide em disse:

    Toda mudança é válida pra toda a Cidade.
    Mesmo que em meio a transtornos.
    Nós do Movimento Diogo Pires (Jaguaré).Estamos a espera de nossa moradia à mais de 10 anos. Confiamos no trabalho da prefeitura. E que nao se esqueça de nós pois estamos de olho em nossos direitos.#movimentodiogopires
    O Bairro precisa de mais creche.
    Escolas profissionalizantes
    Quadras de esportes
    Segurança.
    Restauracão de escolas
    Pavimentacao
    Calcadas que ja nao existem.
    Iluminacao de ruas

  32. Salvador Mendes dos Santos em 17/05/2019 17:23 disse: em disse:

    Sou morador do movimento Diogo Pires e a minha sugestão é primeiramente as nossas moradiaas as q ja fadz quase 10 anos. Que a genteesta na esperando essas tão. Sonhadas moradias ; mais empreendimento como ;creches; hospital médicos posto de saúde parques de diversão …

  33. Sebastiao Ferreira Mendes em disse:

    Sebastiao Ferreira Mendes morador da Diogo Pires estou à 10 anos na espera d nossas moradias q falaram que era nós remédio. Ate agora nada. Então aqui no Barrio do jaguare não temos área de esportes pra nossas crianças. Mais um posto de saúde só tem um sempré lotado mais segurança nas escolas, temos direito de saúde, educação e moradias etc.esse é o meu apelo obrigado.

  34. Erneide mendes da silva em disse:

    Sou moradora do bairro jaguaré ha 22 e recebo auxilio aluguel ha 11 ANOS. Venho solicitar mais uma vez o direito de moradia propria, alem de melhorias para nosso bairro na area de saúde, educaçao,lazer, iluminaçao, segurança,cursos tecnicos, entre outros.

  35. Erneide mendes da silva em disse:

    Sou moradora do bairro jaguaré ha 22 e recebo auxilio aluguel ha 10 ANOS. Venho solicitar mais uma vez o direito de moradia propria, alem de melhorias para nosso bairro na area de saúde, educaçao,lazer,

  36. Márcia Seminara em disse:

    Nasci no bairro há 54 anos atrás, e vi sua degradação, o crescimento das favelas, da violência, da falta de segurança, do lixo , da falta de educação e respeito. Sou professora e acho que passou da hora dos governantes olharem por nosso bairro. Ele necessita de muitas melhorias! Mais segurança, mais verde, mais vias de acesso, escolas de ensino médio, um parque , mais verde!E principalmente mais fiscalização, as pessoas constroem ilegalmente em todos os lugares, no meio da rua, nas calçadas, fecham vias…e ninguém toma providência. Nosso bairro foi um lugar muito bonito, agradável e seguro! Uma pena!!!

  37. PPaulo Sérgio em disse:

    Sou morador da Diogo Pires, e eu juntos com os moradores estamos na espera por 10 anos de espera,pedimos nesse projeto que traga mas benefícios no bairro,,
    O bairro do jaguare está esquecido pelos órgãos de habitação,além de habitação que tá precária não temos muito, área de lazer,cultura ,,e o mais importante que pedimos que os responsáveis pela habitação respeite a fila de espera pela moradia,e que a prioridade é da Diogo Pires pelas moradias dos remédios, por fomos removido da área com a promessa de ir pra esse local,,desde já agradeço

  38. Maria Silvana em disse:

    Estou a 10 anos juntos com os moradores da Diogo Pires na espera pela moradia, e peço que esse projeto priorise a diogo pires em receber o seu apartamento na Vila dos remédios, por fomos removido da área com a promessa de ir prós empredimento dos remédios, que os responsáveis pela sehab respeite a fila, e que essa obra traga mas cultura, lazer por que está escasso no bairro

  39. Divaldino Neves Vieira em disse:

    Meu nome é Divaldino Neves Vieira,fui moradorda rua Diogo Pires e faço parte do movimento Diogo Pires.
    Estamos à quase 10 anos no auxílio aluguel e esperando por nossa moradia , que era pra ser entregue no prazo de 2anos apartir da data que entregarmos nossas moradias para a demolição, e ate hoje estarmos no aluguel.
    Não é justo que passe pessoas que chegaram porúltimo no auxílio aluguel em nossa frente,furando a fila por moradia.
    E gostaríamos também de melhorias em nosso bairro:como mais creches,hospitais,áreas de lazer e mobilidade no trânsito , com a construção de uma Ponte que liga o jaguare à Vila à Vila Leopoldina na Av Mofarrej.

  40. Paulo Henrique dos Santos em disse:

    Olá sou uns dos moradores da diogo Pires estamos á dez anos há espera da nossas moradia infelizmente estamos esquecidos precisando,não só de moradia,precisamos de postos de saúde,escolas e árias de lazeres.espero que olhem por todos nós aqui da zona oeste jaguaré

  41. Paulo Henrique dos Santos em disse:

    Olá sou uns dos moradores da diogo Pires estamos á dez anos há espera da nossas moradia infelizmente estamos esquecidos precisando,não só de moradia,precisamos de postos de saúde,escolas e árias de lazeres.espero que olhem por todos nós aqui da zona oeste jaguaré

  42. Rozeli Batista Neto em disse:

    Olá,sou moradora da rua Diogo,junto com outras famílias faço parte do movimento Diogo Pires estamos aguardando por nossa moradia a 10 anos,nosso bairro está carente precisando de postos de saúde,hospitais,laboratórios médicos ,mais creches,unidades com cursos profissionalizantes dentre outros…

  43. Paulo Henrique dos Santos em disse:

    Olá sou um de tantos moradores da diogo Pires jaguaré estamos na espera a dez anos.
    Infelizmente estamos esquecidos,naõ apenas na moradia,na ária da saúde da educação,e lazeres,
    Nos do bairro do jaguaré precisamos de mais atenção,estamos esquecido em todos os sentidos.
    Grato esperamos que vocês deem atenção para nós.assim todos nós esperamos um retorno…

  44. Joana Batista de oliveira em disse:

    Olá sou moradora da Diogo Pires ,faço parte do movimento Diogo Pires estamos a 10 anos aguardando por nossas moradias .Nosso bairro infelizmente está esquecido tanto na área da saúde como na educação e segurança precisamos de hospitais ,postos de saude ,escola e segurança …

  45. António Juarez da Silva em disse:

    Sou morador e faço parte do Movimento Diogo Pires do Bairro Jaguare, grupo de famílias que estão a mais de 10 anos no auxílio aluguel.
    Segue as minhas sugestões:
    1Priorizar as moradias definitivas para as famílias que estão a mais de 10 anos no auxilio aluguel
    2construção de unidades básicas de saúde com mais médicos de diversas especialidades
    3Construção de hospital na região
    4construção de mais pontes de acesso para diminuir o trânsito

  46. Maria dos Santos em disse:

    Sou moradora e representante do movimento Diogo Pires no bairro do Jaguaré estamos no grupo de família que estão no auxílio aluguel e a mais de dez anos estamos à espera de uma moradia digna
    E a minha sugestão para incluir no projeto Piu Arco de Pinheiros
    Investimento no urbanístico para as comunidades do Jaguaré
    Nessecitamos de mais creches
    Unidade Básica de saúde
    Médico especialista
    Uma área de lazer tipo parque
    Um centro Cultural para toda as idades

  47. António Juarez da Silva em disse:

    Sou morador e faço parte do Movimento Diogo Pires , grupo de famílias que estão há mais de 10 anos no auxílio aluguel,aguardando nossa moradia digna.
    segue as minhas sugestões:
    1Priorizar as construções de prédios para os moradores que estão no auxílio aluguel
    2construção de unidades básicas
    3 Construção de Pontes do acesso para diminuir o trânsito .

  48. Maria Ducleide Nazaro em disse:

    Dêem prioridade de inventimentos para as comunidades do Jaguare, estamos a mais de 10 anos no auxilio aluguel. Faço parte do Movimento Diogo Pires e precisamos urgentemente que algo seja feito a respeito das famílias que estão nessa espera.
    Construção de mais unidades Básicas com diversas especialidades.
    Construção de Hospital na região
    Construção de pontes de acesso para diminuir o trânsito
    Aéreas de lazer e parques
    Espaço cultural
    Construção de creches e CCA
    Revitalização na estação Presidente Altino
    Melhorias no transporte na região
    Construção de Hospital veterinário gratuito

  49. Adilson honorato em disse:

    Boa noite muito legal esse projeto Mais venho informa que hoje sofremos muito por falta de moradia a qual estamos esperando a quase 10 anos e até agora nada.
    Tiraram todos da Diogo Pires com promessas q teríamos a nossa tão sonhada moradia.
    Bom e com tudo isso gostaria de ver no jaguaré construir um posto de saúde ao qual esse da vila nova jaguaré é lotado, construír um centro de esportes recreação e cultura para nossos jovens e crianças,iluminação pública,uma clínica para animais, praças e restauração de poucas q ainda resta é etc

  50. Laura nicassio de mattos em disse:

    Estamos a dez anos esperando a tão sonhada moradia faço parte do movimento Diogo Pires.

  51. Neli Mendes de Moraes em disse:

    Sou moradora do Jaguare, faço parte do movimento por moradia da Rua Diogo Pires do Jaguare, onde já estamos a mais de 10 anos morando de aluguel.
    Gostaria de um pouco mais de atenção para resolver os problemas de moradia.
    Nosso bairro conta apenas com 1 posto de saúde, que não consegue atender com eficiência toda a comunidade devido a grande demanda.
    Não temos nenhum projeto social ou de lazer para as crianças e jovens.

  52. Elizete Mendes da Silva em disse:

    Sou moradora do Jaguare, faço parte do movimento por moradia da Rua Diogo Pires do Jaguare, estamos a mais de 10 anos morando de aluguel, precisamos urgente de uma solução para o problema das moradias.
    Nosso bairro não conta com nenhuma estrutura de atendimento a criancas e jovens, nao tem nenhuma area de lazer. A saúde depende somente de 1 posto de saúde, que não podemos contar, pois sempre está lotado.

  53. Elenita Mendes da Silva em disse:

    Moro no Jaguare e faço parte do movimento de moradia da Rua Diogo Pires.
    Moramos a mais de 10 anos de aluguel.
    Nosso bairro está muito abandonado, precisamos de moradia, postos de saúde, mais segurança, cursos para os adolescentes e mais locais de diversão para as crianças.

  54. Lucinaldo Lima da Silva em disse:

    Sou moradora do Bairro do Jaguaré a mais de 30 anos, morava na Diogo Pires, até que o pessoal da prefeitura chegou lá e começou a remover as famílias, oferecendo um auxílio aluguel de 500 reais, e na promessa que teríamos nosso tão sonhado apto próprio, com área de lazer e play graund para as crianças, coisa que até hoje só ficou na promessa, fazem 10 anos que estou aguardando ser entregue ,faço parte DO MOVIMENTO DIOGO PIRES, e hoje tem lá na vila dos remédios o empreendimento que foram prometido para nós que quando estivesse pronto , seríamos moradores de lá. Mas até hoje nada. O nosso bairro Jaguaré ,foi esquecido, faltam melhorias , a única UBS está super lotada, precisamos de mais um hospital de pronto-socorro aqui na região, cursos e área de lazer para os moradores, construção de pontos para desafogar o trânsito que se forma aqui todos os dias, mais rampas de acesso para os cadeirantes, os parques aqui estão deteriorados por falta de manutenção por parte dos órgãos competentes, um AME especializado na saúde da mulher e do idoso, ponto de ônibus para facilidar o dia adiados moradores e por mais atenção a esse bairro nosso Jaguaré .

  55. Isaac Almeida. em disse:

    Sou morador do Bairro Jaguaré. Movimento Diogo Pires. Tenho 18 anos. Faz 10 anos q minha família aguarda nossa moradia. Confiamos plenamente na prefeitura e sua equipe de engenheiros assistentes sociais e etc. Que não nos deixaria sem nossos lares ou muito menos respostas pra tanta demora desta entrega. Aguardamos uma resposta.

  56. Maria Aparecida de Gouveia Moraes em disse:

    Maria Apararecida De Gouveia Moraes em 23/05/2019 às 20:00 disse.

    Faço parte do movimento Diogo Pires, junto com os outros familiares no auxílio aluguel há dez anos , gostaria que os Governantes tomassem providências para melhorias no nosso bairro , e olhassem mais pelas pessoas carentes ,nosso bairro precisa de hospitais , postos de saúde com especialidade , creche para crianças , onde a criança estude meio período e meio período fique em uma recreação , área de lazer para idosos , praças com área de lazer , espero que atravez dessa gestão urbana , sejam tomadas devidades providências para entrega de nossas moradias o mais rápido possível . Obrigado .

  57. Orlando rocha em disse:

    Sou morador da diogo pires e estou auxilio aluguel a 10 anos .e estou esperando por minha moradia a qual tenho direito tinha minha casa na diogo pires a mais de 30 anos e simples porem minha a qual foi co atruida com muito suor e muito dificuldade.Hoje moro em uma casa pequena de aluguel que a prefeitura paga um valor pequeno a qual tenho que enterra a outra parte …Quero a minha moradia a qual tenho direito ..seja que tenho que esperar por mais quanto anos …

  58. Flávio Luís malaco em disse:

    Acredito que nosso bairro pq co tinental esta sendo esmagado no quesito de locomoção, uma vez que os transtornos de transitochegam a congestiona avenidas residenciais.
    Um estudo se faz necessário bem como mais rotas de acesso e interlicacao entre . Ceasa.. jaguare… parque continental.
    Só temos a ponte do jaguare para fazer o transbordo de todos desta regiao.
    Uma nova ponte seria de grande valia.
    Como na região esta com um constante crescimento de favelas, se faz necessario tambem acertar a questao de verticalizacao das mesmas em espacos mais adequados
    Postos de saúde na região sao muito poucos… então a criação de novos postos de atendimento também se faz necessário.
    Quanto às ciclofaoxas.. creio que um estudo deveria ser feito de forma melhor. Pois as que tem na região saem do nada e vão para lugar nenhum.

  59. Flávio Luís malaco em disse:

    Na questão da locomoção.
    A região esta completamente estrangulada por conta de falta de acesso e de interligações com os bairros do Ceagesp, vila.leopoldina e Jaguare.
    Se faz necessário a construção de nova ponte para aí.entar o fluxo caótico existente.
    Quanto a saúde.

    Deve-se criar mais postos de saúde ou até um hospital nesta região,ja que o crescimento populacional esta a todo vapor.
    Quanto a questão de moradias..
    Deve-se verticalidade as favelas em pontos maos adequados e menos perigosos, basta ver os arredores do venolao e marginal Pinheiros para entender o assunto..
    Quanto às ciclofaoxas..
    Um estudo bem feito.deve ser realizado para mudar o que já existe.. pois muitas saem do nada e vão para lugar nenhum.. atrapalhando o transito… por ex. Ciclofaoxas da Av. Antonio de souza noschese. (No guem anda de bicicleta nela… só o povo que faz cooper que a usa.. e olha que temos pista de cooper no bairro.
    Quanto a segurança..
    Não adianta ter um posto de polícia na região se o mesmo não está aparamentado para funcionar.

Comentários encerrados.